Aproveitando o embalo do relançamento do "Coma Rage" do Viper, que contará uma música inédita, o sextou de hoje é com a versão original da música homônima do álbum da banda brasileira. Vamos conferir rapidamente a trajetória da banda até o álbum de 1994.


O Viper talvez tenha a trajetória mais curiosas das bandas de metal do Brasil. Com o lançamento do "Soldiers of Sunrise" em 1985, a pegada lembrava mais a vertente tocada por um Iron Maiden da vida por exemplo; em 1989 o lançamento do "Theater of Fate" mostrou a primeira mudança, caminhando para o metal melódico.

O "Evolution" de 1993 traz uma vibe um pouco mais hard-rock com a saída de Andre Matos que viria a entrar no Angra na sequência e deixa totalmente para trás o lado do metal melódico e chegamos ao "Coma Rage" de 1994 levando a banda para uma pegada mais hardcore/grunge e caminhou para o punk no álbum "Tem Pra Todo Mundo" de 1996.

Como o Spotify está sem o Coma Rage no momento, a playlist estará temporariamente com Rebel Manic, clique aqui e siga-a.

Letra

Coma rage gonna rise everyday
Restless I wait for my time to come
To break them all no problem
That's my life

If you are against you're gonna die
Big mistake for you
Having no respect for me
Now I can destroy you it's fun for me

Coma rage gonna rise everyday
Youth on edge
To fuck 'em all
Gimme some
Just in time

Lonely I face the rage of the world
For people like me no future
A deadly race
We're just part of the game

A good gun in my hands
Best way to make you understand
That's the way it's gonna be
Anytime I meet you in the streets

Come rage gonna rise everyday