Taylor Swift quebrou mais um recorde. A cantora assumiu a marca de melhor primeira semana de vendas de um vinil nos EUA com evermore. O álbum foi lançado em dezembro de 2020, mas o vinil chegou apenas na última sexta-feira (28). Nos três dias disponível, Taylor Swift vendeu mais de 40 mil cópias, superando o recorde de Jack White com Lazaretto, que vendeu 40 mil cópias durante a primeira semana de lançamento do álbum em de 2014.

Anteriormente, o recorde foi do Pearl Jam com Vitalogy (1994), que vendeu 34 mil cópias em solo americano na primeira semana. Foi o primeiro álbum a entrar nas paradas da Billboard 200 apenas com as vendas em vinil - desde que os CDs começaram a dominar o mercado musical.

Desde que evermore foi lançado digitalmente, o álbum saiu em CD, cassete e vinil. A última versão saiu por último, pois o vinil demora mais para ser produzido. Este foi o segundo álbum lançado de surpresa por Taylor Swift em 2020, após folklore.

Este ano a cantora continua trabalhando. Em abril Taylor Swift lançou o primeiro dos álbuns re-regravados com Fearless (Taylor's Version). O álbum estreou no topo da Billboard 200, e mesmo sem vender uma cópia física ainda ficaria na liderança graças aos números sólidos no streaming.

O mais importante: nós temos review do novo -e definitivo- Fearless bem aqui.

Com 26 faixas, o álbum alcançou quase 143 milhões de reproduções em plataformas como Spotify e Apple Music, que, quando divididas, são equivalentes a 109 mil unidades de álbuns equivalentes em streaming. Enquanto isso, Swift vem indicando que mais regravações estão vindo com prévias de uma nova versão de Wildest Dreams, do álbum 1989.

Via NME