Após o mês do amor e orgulho e com uma boa recepção nesse som aqui, após o dia 2/7 ter ficado sem som por motivos de força maior, vamos ter um mês de julho diferente com músicas que embalaram o cancioneiro popular brasileiro em shows e baladas, coisas que o "nerd moderno" frequentou por descobrir que viver um pouco não tira seus gostos. Vamos começar com "As Coleguinhas".


Talvez um sinal das colisões de ideias já que justo hoje (9) Simone e Simaria lançaram um clip novo em parceria com o colombiano Sebastián Yatra em "No Llore Mas". A dupla baiana começou a carreira musical como backing vocals da banda do famoso "Cãozinho dos Teclados", Frankie Aguiar, entrando nos anos 1990 e marcando a carreira entre os anos 2000 à 2012 ali e outra banda de forró.

Mesmo com um álbum da dupla em 2004 foi a partir de 2013 que elas se lançaram com tudo na carreira em dupla. e tiveram destaque com as músicas "Quando o Mel é Bom", que ficou no 14º lugar do top 100 nacional, e, "126 Cabides" que chegou a liderar as paradas.

Com o lançamento do DVD "Bar das Coleguinhas" de 2015 foi ai que a dupla deslanchou de vez e conquistou o Brasil, com shows e músicas sendo presença constantes em casas de diversão noturna de final de semana. Com várias colabs, em 2017 um dos sucessos veio com a participação de Anitta para a música "Loka" em 2017 e dominaram as paradas nacionais do ano.

Confira essa e outros sucessos do playlist do Play Retrô clicando aqui!


Letra

Loka, loka, loka
Loka, loka, loka
Cadê você, que ninguém viu?
Desapareceu, do nada sumiu
'Tá por aí tentando esquecer
O cara safado que te fez sofrer
Cadê você? Onde se escondeu?
Porque sofre se ele não te mereceu
Insiste em ficar em cima desse muro
Espera a mudança em quem não tem futuro
Deixa esse cara de lado
Você apenas escolheu o cara errado
Sofre no presente por causa do seu passado
Do que adianta chorar pelo leite derramado?
Põe aquela roupa e o batom
Entra no carro, amiga, aumenta o som
E bota uma moda boa
Vamos curtir a noite de patroa
Azarar uns boys, beijar na boca
Aproveitar a noite, ficar louca
E bota uma moda boa
Vamos curtir a noite de patroa
Azarar uns boy, beijar na boca
Aproveitar a noite, ficar louca
Esquece ele e fica louca, louca, louca
Agora chora no colo da patroa, louca, louca
Esquece ele e fica louca, louca, louca
Agora chora no colo da patroa, louca, louca
Cadê você, que ninguém viu?
Desapareceu, do nada sumiu
'Tá por aí tentando esquecer
O cara safado que te fez sofrer
Cadê você? Onde se escondeu?
Porque sofre se ele não te mereceu
Insiste em ficar em cima desse muro
Espera a mudança em quem não tem futuro
Deixa esse cara de lado
Você apenas escolheu o cara errado
Sofre no presente por causa do seu passado
Do que adianta chorar pelo leite derramado?
Põe aquela roupa e o batom
Entra no carro, amiga, aumenta o som
E bota uma moda boa
Vamos curtir a noite de patroa
Azarar uns boys, beijar na boca
Aproveitar a noite, ficar louca
E bota uma moda boa
Vamos curtir a noite de patroa
Azarar uns boy, beijar na boca
Aproveitar a noite e ficar louca
Esquece ele e fica louca, louca, louca
Agora chora no colo da patroa, louca, louca
Esquece ele e fica louca, louca, louca
Agora chora no colo da patroa, louca, louca