Demorou mais já faz em torno de duas semanas que Pokémon Unite chegou aos celulares e deu uma nova esperanças ao mobeiros e apresentou um mundo novo para novatos do ramo, afinal, a mistura de MOBA com foco em pontuação jogando em times de 3x3 ao 5x5 é o foco do game. Mas deu bom? A Nintendo soube aproveitar essa onda? É o que vamos conferir agora.

Um MOBA diferente

Por mais que possua diversos elementos do estilo de jogo multiplayer do momento, Pokémon Unite tem um foco e regras diferentes no seu rift. No modo tradicional jogaremos 5x5 e com o foco genuíno no trabalho em equipe. O mapa se divide em três partes com o topo, baixo e o centro (selva); e os objetivos das torres para "derrubarmos" pontuando.


Basicamente as rotas do topo e de baixo seguem a mesma ideia e são normalmente vistas com combinação de Pokémon de ataque, defesa, all-round e suporte indo em dupla. A parte central temos o equivalente a selva e lar para os Pokémon velocistas (Speedester).

Ao longo das rotas e selvas teremos diversos Pokémon coadjuvantes que nos rendem XP e pontos para fazer "cesta" nas torres e levá-las ao chão. Dependendo do Pokémon, conforme for subindo e nível ele vai evoluindo. Os estágios não interferem muito mas é legal você ver por exemplo o Charmander começar o jogo, ficar forte e virar o Charmaleon e terminar como Charizard.

Ao subir de nível, em alguns momentos vamos ganhando novos golpes. No nível equivalente a primeira evolução teremos de escolher entre duas habilidades para ficar com uma no primeiro slot, o mesmo acontecerá depois na segunda habilidades, e, ao atingir o nível equivalente a última evolução, liberamos a Ultimate. A ult vai carregando conforme batermos nos monstros da selva e inimigos até chegar a 100% novamente.

Objetivos especiais


O primeiro e principal é derrubar as torres e realizar o maior número de pontos possíveis durante a queda delas. Temos três torres por rotas e a torre final (equivalente ao nexus) para pontuarmos. Dependendo do tempo de jogo podemos ter reforços dos monstros especiais abaixo.

Ao longo do mapa principal e menores temos alguns Pokémon que atuam como buff especial, similares a red, blue, dragão e barão dos mobas tradicionais. Na parte de cima temos o Rotom que ajuda nosso time virando mais um alvo, e, caso chegue na torre, eles permite que realizamos pontos instantaneamente e além disso, desativa escudo e recuperação de HP para o time adversário.

Outro buff mas na rota de baixo é o Drednaw, o Pokémon tartarugão, ao ser derrotado vai dar experiência extra e escudo para os aliados. É um objetivo bom para quando estiver na desvantagem para recuperar um pouco dos níveis atrás.

Fazendo papel de blue e red mas visando ser defesa e ataque, temos Lotad e Buffalant respectivamente. Eles estão na selva dos dois lados e rendem experiência, aeos energy (pontos) e reforço de ataque ou defesa. Podem ser adquiridos os dois no mesmo Pokémon.

E o objetivo final, literalmente, temos o Zapdos no centro do mapa, Sempre que chegar nos dois minutos finais ele surgirá. Derrotá-lo além de garantir xp vai garantir mais fácil a confirmação de uma vitória, ou mesmo, a chance de uma virada para o time que está perdendo. Com a ave lendária a seu favor as torres darão pontos em dobro, stonks!

Passe de Batalha, Cosméticos e o Double Slap na cara


Pokémon Unite
é muito bem feito e bonito em diversos pontos, contudo, quando chegamos na parte dos cosméticos temos uns confrontos. De um lado temos itens variados de roupas para nosso avatar e skins lindas e bem boladas para os Pokémon, um Passe de Batalha com diversas recompensas para upar a conta, vestuário, porém, caros demais.

Para se ter ideia o Passe de Batalha sai quase R$ 50,00 na recarga e uma skin como o Venusaur "Agiota" por exemplo sai mais de R$ 100,00. Mesmo sendo um game da Tencent, o sentimento é de dedo da Nintendo subindo a precificação, afinal, estamos falando das duas empresas inimigas do nosso bolso.

Renda-se ao Agiotismo


Muitas skins são muito bonitas e dão vontade de adquirir, contudo, essa barreira de valores absurdos vai nos levar a focar no farm de pontos para a skins da loja de pontos que o jogo nos dá.

Outro ponto negativo do jogo é a falta de localização e nem me venha com o pano na mão. Pleno 2021 e a Nintendo continua simplesmente ignorando um dos países que mais apoia seu trabalho, mesmo com valores que você gasta num Switch poderia comprar uma scooter por exemplo.

Sismic Toss de emoção


De forma geral esses são os principais pontos de Pokémon Unite. Originalmente lançado para Nintendo Switch para mais tarde ter chego aos dispositivos móveis, o game ainda conta com crossplay para facilitar ainda mais as partidas. Repare como dificilmente o game vem demorando para encontrar partidas.

Com partidas cronometradas, carismas dos monstrinhos da série e umas ideias diferentes que foram bem introduzidas para o game, Pokémon Unite é uma ótima opção para você entrar nos mobas, e para aqueles que já estão fazendo terapia por causa deles, é uma opção menos estressante e oportuna por você saber que entrará em partidas de 10 ou 5 minutos e ela não irá passar disso (quem nunca ficou mais de meia hora numa partida de MOBA Mobile que erre o primeiro Smite).

Pokémon Unite está disponível para Nintendo Switch, Android e iOS.