A Media Blasters postou várias imagens no Twitter na terça-feira, provocando licenças de alguns trabalhos da franquia Kamen Rider. A primeira imagem parece provocar o filme Kamen Rider ZO, o filme Shin Kamen Rider: Prologue e o filme Kamen Rider J.

Outras imagens parecem provocar com os filmes Kamen Rider: The First e Kamen Rider: The Next. A empresa então postou outro tweet afirmando: "temos muito o que fazer em 2022".

A Seven Seas publica o mangá Kamen Rider original de Shotaro Ishinomori em inglês. StoneBot Studios publicará o mangá Kamen Rider Kuuga de Hitotsu Yokoshimaem inglês no próximo ano.

No Brasil ambos os mangás são publicados pela Editora NewPop, confira o original aqui e Kuuga aqui.

Fūto Tantei, um mangá sequencial da série Kamen Rider W de2009(pronuncia-se "Double"), está inspirando a série de anime FUUTO PI no próximo verão.

A franquia tem um novo mangá de Study Yu-saku intitulado Ohiru no Shocker-san (Shocker Durante o Dia) que foi lançado em 11 de novembro na plataforma LINE Manga, com um anime também planejado para o mangá em 2022. Tanto o mangá quanto o anime comemoram o 50º aniversário da franquia.

Hideaki Anno (Evangelion, Shin Godzilla) está dirigindo, roteirizando e produzindo o filme live-action Shin Kamen Rider para março de 2023.

via ANN